Número de empresas em Cabo Verde cresceu 7,5% em 2019 – INE

0
0
0
s2sdefault

Dados divulgados, hoje (21), pelo Instituto Nacional de Estatística (INE) mostram que no ano de 2019 existiam 11.174 empresas ativas no país, registando um acréscimo de 7,5% face a 2018. Os dados constam do “Inquérito Anual às Empresas 2019”, 

Ainda, durante aquele período as empresas geraram 71.874 empregos, comparativamente a 2018, o que representa um aumento de 1,4%, com as empresas a gerarem cerca de 338 milhões de contos em 2019, representando um acréscimo de 13,7% face ao ano anterior. Segundo a mesma fonte, o volume de negócios aumentou na maioria das ilhas com exceção do Sal e do Fogo.

“71,1% das empresas ativas, eram empresas em nome individual/sociedade unipessoais. Cerca de 69% das empresas ativas no país estavam concentradas nos sectores do Comércio (44,1%), Alojamento e Restauração (15,8%) e Indústria Transformadora (9,0%).

O sector do Comércio continua a ser o maior empregador (23,8%) e é também o sector que mais volume de negócios gerou em 2019 (cerca de 48% do total)”, lê-se no documento.
 
Conforme o INE, as empresas sem contabilidade organizada representavam cerca de 66% das empresas ativas no país. Além disso, cerca de 67% das empresas ativas em Cabo Verde eram lideradas por homens em 2019.
 
Durante o ano de 2019, cerca de 68% das empresas ativas no país eram microempresas e, somente 3,1% eram grandes empresas, sendo a ilha de São Vicente a que obteve a maior faturação média por trabalhador, 5.775 contos e São Nicolau a menor, 1434 contos.
 
Relativamente à faturação média por empresa, a ilha do Sal liderou com uma faturação média de 47.728 contos.
 
 

Imprimir   Email

Video

+ Slide
- Slide
  • 00:00